Anúncio
Geral Condenado

Jornalista da Página O Piauiense, Petrus Evelyn é condenado por divulgar Fakenews

O Tribuna Piauí teve acesso a uma cópia da decisão judicial, que é datada de 29 de outubro de 2020. O jornalista recorreu, mas perdeu.

30/03/2021 15h05
Por: Redação Fonte: El Piauí
Jornalista Petrus Evelyn
Jornalista Petrus Evelyn

A juíza Tânia Regina S. Sousa, da 63ª Zona Eleitoral, condenou o jornalista Petrus Evelyn, dono da página O Piauiense, a pagar uma multa no valor de R$ 5 mil e a retirar todas as publicações caracterizadas como fake news, contra o vereador de Teresina, Vinício Ferreira (Avante). 

 

A denúncia se baseou em uma postagem do jornalista, que acusava Vinício Ferreira, então candidato, de ter oferecido R$ 25,00 para comprar votos em Teresina. 

 

"Instado a responder a presente demanda eleitoral, o Representado não não trouxe provas de sua afirmação. Ou seja, deixou de encartar elementos de convicção no sentido de que aquela afirmação era verdadeira e o Representante estava a promover, pessoalmente ou por cabo eleitoral, a corrupção eleitoral. Nos autos, consta apenas um “print” de uma mensagem, via aplicativo Whatsapp, enviada pela linha telefônica “86-9516-8587”, que seria de pessoa conhecida por “Alexandre Pietro”, propondo o cadastramento de título eleitoral pela quantia de vinte e cinco reais, mas sem a juntada de prova de que tal conduta tenha sido patrocinada ou anuída pelo candidato Representado. Ora, segundo o TSE (Tribunal Superior Eleitoral), para caracterizar a compra de votos "é preciso que ocorra, de modo simultâneo, a prática de ilícito com o fim específico de obter o voto do eleitor e participação ou anuência do candidato beneficiário", diz trecho da decisão. 

 

"(...) Em tese, se o Representado tivesse publicado postagem, como fez em segundo momento, limitando-se a noticiar que determinado perfil de Whatsapp estava a oferecer dinheiro em nome do Representado, estaria sim a dar “tratamento jornalístico ao fato” ( animus narrandi). Todavia, no caso, fez diferente, preferindo afirmar algo que não tinha provas, qual seja, “CANDIDATO VINÍCIO FERREIRA, FILHO DE EXVEREADOR, ESTÁ OFERECENDO R$ 25 POR CADA ELEITOR COMPRADO POR SEUS CABOS ELEITORAIS", completou a magistrada na decisão. 

 

O Tribuna Piauí  teve acesso a uma cópia da decisão judicial, que é datada de 29 de outubro de 2020. O jornalista recorreu, mas perdeu. 

Petrus Evelyn recorreu da decisão, mas o pedido foi negado Foto: Reprodução

Veja abaixo a íntegra da decisão da juíza Tânia Regina S. Sousa, da 63ª Zona Eleitoral:

 
Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Jornalista Thiago Maciel
Sobre Jornalista Thiago Maciel
Thiago Maciel é Bacharel em Direito e Jornalista no estado do Piauí.
Teresina do Piauí - PI

Teresina do Piauí - Piauí

Sobre o município
Notícias de Teresina - PI
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias